Ir para o conteúdo
Início
/
Serviços
/
Recursos Partilhados

Serviço Social

Diretora do Serviço: Dra. Clara Lago

O Serviço Social promove a mudança social, a resolução de problemas nas relações humanas e o reforço da emancipação das pessoas para a promoção do bem-estar. Ao utilizar teorias do comportamento humano e dos sistemas sociais, o Serviço Social intervém nas situações em que as pessoas interagem com o seu meio. Os princípios dos direitos humanos e da justiça social são fundamentais para o Serviço Social.

O Serviço Social visa garantir a prestação de cuidados globais de excelência, saúde e sociais, com elevada qualidade e humanidade na prestação de cuidados de saúde, ao nível dos cuidados de saúde primários, dos cuidados de saúde hospitalares, dos cuidados de saúde continuados.

O Serviço Social visa disponibilizar respostas sociais e recursos na comunidade adaptados às necessidades e condições sociais dos cidadãos.

O Serviço Social visa ser uma referência de boas práticas de prestação de cuidados, com respostas integradas, articuladas, favorecendo a proximidade e a complementaridade de serviços na comunidade.

A consciência ética é uma componente indispensável da prática profissional dos Assistentes Sociais. A sua capacidade de proceder em conformidade com a Ética é um aspeto essencial à qualidade do serviço que é prestado aos cidadãos e ao relacionamento profissional com os cidadãos, com os profissionais de saúde e com outros intervenientes sociais.

O Serviço Social baseia-se no respeito pelo valor da dignidade humana e justiça social e deve promover e defender a integridade e o bem-estar físico, psicológico, emocional e espiritual de cada pessoa.

Os Assistentes Sociais devem agir com solidariedade, empatia e cuidado com aqueles que procuram e utilizam os seus serviços.

Os Assistentes Sociais devem manter a confidencialidade em relação à informação sobre as pessoas que utilizam os seus serviços. As exceções a este princípio só se justificam com base num valor ético de maior dimensão, nomeadamente a preservação da vida.

Os Assistentes Sociais devem estar preparados para fundamentar as suas decisões baseando-se em considerações éticas e, também, ser responsáveis pelas suas escolhas e ações.

 


Partilhar:
facilisis libero consequat. felis leo. adipiscing