Ir para o conteúdo
Início
/
Notícias
13-06-2022

“Os algoritmos estão a editar grande parte da nossa democracia”

Convidado a participar nesta conferência, Miguel Poiares Maduro fez um retrato de uma “Democracia em tempos de crise”, com todas as ameaças e desafios que se colocam hoje à Nova Humanidade.

Num exercício de análise política e social, o professor universitário, com destacada carreira política, apontou as fragilidades do “défice democrático” que enfrentamos hoje pela nossa incapacidade de antecipar riscos futuros – seja a previsão de uma pandemia, seja a dependência de combustíveis russos, que se tornou agora ainda mais evidente em consequência da guerra, mas também pela transformação do espaço público pela digitalização. “Não tenhamos dúvida de que são os algoritmos que ditam boa parte da nossa democracia”, alertou o académico, referindo-se às “bolhas de comunicação” que reforçam “preconceitos e convicções”, e do risco de “disseminação da credibilidade da informação pelos likes”. Poiares Maduro convidou ainda a refletir sobre um possível fenómeno de “desglobalização”, numa altura em que o risco de disrupção entre Estados pode estar a desenhar-se. Primeiro pela pandemia, agora pela guerra, lançando a dúvida sobre a interdependência entre estados europeus versus a defesa de espaços nacionais.


Partilhar:
luctus felis neque. amet, Phasellus pulvinar efficitur. ut justo